Tuesday, 15 December 2009

Bon Nadal

Barcelona, Dezembro de 2009. Fotografia de K.


Faz frio, faz tanto frio. Parecia que este ano ele não chegaria, mas aqui está, um monstro de escuridão e vento que varre toda a cidade. Caminho sozinho pela Rambla para chegar ao bar onde tinha combinado o meu encontro. Na Rambla há muita gente mas assim que giro para o Gótico apenas as trevas e o vento ficam. Parece que as pessoas vão sendo varridas da rua para me abrir caminho, e estou agora sozinho, rodeado pela noite, com as estrelas a brilhar no céu gelado de Dezembro. Caminho em silêncio, as mãos escondidas nos bolsos do casaco e os lábios detrás do cachecol. Se não visse o luar que vai aparecendo entre os cruzamentos das vielas diria que está prestes a nevar. Se pudesse pedir um desejo… Penso que dentro de uns dias já estou em casa dos meus pais de novo, também eles voltam depois de tanto tempo. Estranho como todos acabamos a viver longe das pessoas que vamos conhecemos. As rajadas de vento gelado despertam-me de novo para a realidade e já vejo na esquina a luz e ouço os sons do local onde fará calor e estão aqueles que me esperam aqui. Quando estiver a caminho de casa recordarei apenas estes dias, recordarei apenas todos os dias que foram bons.

3 comments:

sem-se-ver said...

bon nadal para ti

:)

tonsdeazul said...

O frio também chegou ontem aos algarves. Custou a chegar, mas lá acabou por chegar e logo para "matar"!! Brrrr....

Que tenhas um bom regresso a casa dos teus pais e um Feliz Natal! :)

alien aboard said...

"Estranho como todos acabamos a viver longe das pessoas que vamos conhecemos."

é estranho é a "saudade", há lá palavra mais bonita e mais gravada no noxo código genético. Ser-se tuga é sentirmos saudades mesmo kuando já voltámos e estamos em casa plo Natal, há smpr uma ausência ke nos preenche...somos estranhos :)

Feliz Natal K